Paracatu- Olhares e Sorrisos


Paracatu- Olhares e sorrisos


Os olhares exprimem

O que as bocas escondem

Os sorrisos contam

O que os olhos não falam

Por entre rumos do olhar mostro as maravilhas do lugar

Olhares para a cidade que acolhe

Olhares na cultura da gente

Olhares na saúde do povo descontente

Olhares maduros e felizes na fé presente

Olhares crentes no amor

Olhares delicados e suaves na natureza a preservar

Olhares temerosos no trânsito das ruas estreitas

Olhares persistentes na educação sem tanto

Olhares profundos na arte que encanta

Olhares debochados nos políticos errantes

Olhares futuristas nos políticos honestos

Olhares emocionados para aqueles que acolhem

Olhares insaciáveis no trabalho árduo e na luta pelas classes.

Olhares inteligentes nas tecnologias do presente

Olhares sábios nas tecnologias do passado

Olhares espertamente brilhantes nos sorrisos

Sorrisos edificantes de quem constroem o futuro

Sorrisos tristes de quem as lágrimas escondem

Sorrisos matreiros para a cidade da fé e do ouro

Sorrisos atentos à beleza de Paracatu

Sorrisos grandes ou pequenos, curtos ou largos

Nas flores que nascem nas manhãs ensolaradas

Sorrisos que comandam

Que curam cicatrizes

Que vencem adversidades

Sorrisos na esperança de uma vida melhor

Sorrisos e olhares aos milhares

Vamos! Encantem-se. Aplaudam!

Gritem vivas ao passado e o presente em harmonia.

Porque o futuro só a Deus pertence!


Autora: Maria Teresa Oliveira Melo Cambronio

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Peça Teatral- Drogas As Tentativas

Teatro x Escola Em Tempo Integral - Artigo

Texto para o estudo de Física - Movimento