Você



Você...

Quando te conheci minha vida era sem cheiro, sem cor.
Você surgiu como um raio de luar aquecendo meu coração
que há muito não sentia amor.
O momento foi de magia
você falava e eu ouvia
ouvia com meu e coração
Foi assim tão simples...
Somente eu e você
o doce e o prazer
o sentir e o querer...
como a vida que brota
como o céu e o mar
a relva e o orvalho
da cor do pecado
assim... amo você
v
o
c
ê

é demais enfim...

Maria Teresa Cambronio

Comentários

  1. Olá Maria Teresa!!!
    Quanta inspiração heim amiga...
    Lindo... expressou sentimentos do mais fundo da alma...
    Bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Peça Teatral- Drogas As Tentativas

Teatro x Escola Em Tempo Integral - Artigo

Texto para o estudo de Física - Movimento