Sanidade de Ismália - Intertextualidade


Sanidade de Ismália

Pela força do amor, pela magia do anoitecer e amanhecer.
Ismália se curou.
Vejo sanidade em Ismália,
Mesmo ao desejar a Lua refletida nas águas do mar...
Mesmo ao pensar que a terra gira para embalá-la.
Ainda que com asas, visite as estrelas cintilantes e traga caquinhos...
Que voe para suavizar sua tristeza.
Que vá em outra dimensão...
Vejo sanidade em Ismália
No banhar enluarado, no repouso de seus pensamentos, no
limiar dos seus sentimentos.
Mesmo sonhar, amar o mar, amar a Lua...
Não é loucura Ismália...
Autora: Maria Teresa Oliveira Melo Cambronio ( Contestando a sanidade de "Ismália" poema de Alfonsus Guimarães)

Comentários

  1. Oi Maria Teresa,
    Parabéns pela continuidade do blog. Temos varias Ismália dentro de nós que escondemos por medo de sermos apontadas como loucas.
    Viva as Ismálias....
    Abraço
    Márcia

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Peça Teatral- Drogas As Tentativas

Teatro x Escola Em Tempo Integral - Artigo

Texto para o estudo de Física - Movimento